Trade Ideas
O FUTURO DA VIA VAREJO ESTÁ NO 2T19 ?
BRUNO BARBOSA DE ALENCAR Criado 13/Ago • 16:26

O FUTURO DA VIA VAREJO ESTÁ NO 2T19 ?

O que esperar de Via Varejo para o resultado e para o longo prazo?


Resultado: 2T19 deve se manter com números ruins. Há motivos de sobra pra isso, pois a controladoria antiga não estava querendo levantar a empresa e apenas fazia o básico para o turnaroud ( reversão de prejuízos seguidos nos últimos 2 resultados trimestrais ). As vendas nas mesmas lojas físicas não foram animadoras como mostrou o fraco aquecimento econômico do país nesse último trimestre, podendo abrir espaço para novas provisões em matérias pertinentes.


Em relação a oferta de crédito: As taxas e prazos de pagamentos seguem inalterados modificando muito pouco a política de risco do crédito. Importante olhar o crescimento da taxa de inadimplência para projetarmos se o BANQI entrará com força ou não a partir de dezembro, o que sinalizará a execução do direito de compra de 80% da Fintetech até janeiro de 2020. Haverá uma mudança na política de risco onde buscar-se-á novas concessões em produtos onde o risco é menor como móveis e eletrodomésticos e detrimento a  Smartphones.



A questão do EXTRA: As negociações com o EXTRA devem ficar bem claras nesse próximo resultado no que diz respeito ao acionista EXTRA na plataforma E-commerce. A CNOVA que foi atualmente integrada à Via Varejo tem o direito da marca EXTRA por 15 anos. Algumas negociações com o grupo GPA ( proprietário das lojas físicas EXTRA ) foram iniciadas em relação à venda de eletrodoméstico por um e de Smartphones por outro, porém essa relação não ficou bem explicada e no próximo resultado saberemos da verdadeira intenção da Via Varejo -Cnova em manter ou não o EXTRA no seu e-commerce.


Maior foco nas Casas Bahia e menor do Ponto Frio: A atual gestão entende que o maior potencial de crescimento direcionado para as classes C e D em detrimento das classes B e C ( Ponto Frio ) tornando as Casas Bahia mais popular do que já é atualmente.


E o comércio online ? Podemos confiar nessa integração on-line /offline?A conclusão dessa integração já ocorreu via cisão da CNOVA à Via Varejo. São 26 Centros de Distribuições localizados em 14 capitais, porém ainda há muito trabalho a ser feito no intuito de otimizar essa integração. Projeção de que para o próximo Black Friday tudo esteja rodando sem quedas ou problemas no sistema.


Em relação a parte de móveis, podemos projetar alguma mudança ?O objetivo é a recuperação do mercado dos móveis prontos na marca Bartira que pertence à Via Varejo e estes são comercializados nas Casas Bahia dando lugar em preferência em relação aos móveis planejados. O histórico da venda de móveis prontos já foram 50% superiores aos patamares atuais com margens superiores às obtidas na venda de eletroeletrônicos e eletrodomésticos.


A nova gestão de Via Varejo (VVAR3) promoveu, recentemente, um encontro com a equipe do banco Goldman Sachs, no qual apontou algumas das primeiras medidas em curso nesse novo capítulo do processo de reestruturação da Companhia. Em linhas gerais, a mensagem transmitida sugere que a operação física traz diversas oportunidades de melhoria no curto prazo, que estão sendo prioritariamente perseguidas. A expansão da operação online, por sua vez, privilegiará rentabilidade a crescimento no futuro próximo.


BANQI: A menina dos olhos da Via Varejo tem como projeção 2,5 milhões de clientes até Dezembro de 2019 e já foram instalados 100.000 aplicativos para realização de pagamentos de boletos e para transações bancárias. A perspectiva deve ser ampliada em relação aos clientes com o futuro lançamento do cartão de Crédito bandeira Master Carde e com seguradora Zurich que junto com a Cielo aportaram 300 milhões para exclusividade no projeto.


Os dados relevantes nesse resultado de amanhã são dados de uma empresa diferente dessa Via Varejo e refletem os dados de uma controladora GPA que tentava realizar o processo de turnaround através de um CEO que ficava meio período na Via Varejo e meio período no GPA ( dividia as funções ). Hoje a empresa tem um foco exclusivo no marketing onde contrataram Ilka Sierra da famigerada MGLU dentre outros nomes. Talvez esse reflexo relevante na margem e nos lucros apareçam apenas daqui 3 meses, não há motivo para imaginar uma celeridade de um processo que está sendo bem tocado e planejado. A intenção é permanecer no papel por no mínimo 12 meses após esse próximo resultado. Longo prazo!


A resposta para a pergunta do título é : Conheceremos a nova Via Varejo no 3T19 e 4T19.

Sem euforias ou expectativas antes disso. Se ela chegar a 10 ou 12 reais rápido significa talvez que o mercado tenha projetado todas essas considerações acima.


VVAR3
AF
404
DISCLAIMER: As informações e/ou análises disponibilizadas na COMUNIDADE são meramente opiniões do USUÁRIO e/ou CONTRIBUIDOR na data em que foram expressas e não declarações de fatos ou recomendações para comprar, reter ou vender quaisquer títulos ou valores mobiliários, ou ainda, qualquer recomendação de investimento. A participação de CONTRIBUIDOR na COMUNIDADE não representa qualquer vínculo com a ADMINISTRADORA e tampouco é realizado qualquer tipo de remuneração a título de participação de CONTRIBUIDOR na COMUNIDADE.
tradersclub-logo
Baixe o App na App Store
Faça o download do aplicativo na Google Play

Av. dos Tajurás, 212 B - Morumbi - São Paulo - SP - 05670-000
+55 11 4200-7850 - [email protected]

© TradersClub | Todos os direitos reservados.

Site Blindado - TradersClubTrustsign - TradersClub

+55 11 4200-7850
[email protected]

Av. dos Tajurás, 212 B - Morumbi
São Paulo - SP - 05670-000

© TradersClub 2019 | Todos os direitos reservados.

Site Blindado - TradersClubTrustsign - TradersClub