18/02/2019 às 14:58

5 – Renda Fixa é sinônimo de segurança. Mito ou verdade?

João Pedro Araújo João Pedro Araújo

Muitos investidores assemelham investimentos em renda fixa a segurança e tranquilidade. Será que isso é mito ou verdade?

Mito, investimentos em renda fixa podem ser de alto risco e merecem uma analise aprofundada.

O presente artigo possui como objetivo informar ao leitor como entender e analisar o risco de crédito, que é o principal risco quando se investe em renda fixa.

Como avaliar o risco?

Em renda fixa o risco de não receber o seu dinheiro é o ponto que merece a maior atenção. Sempre que for investir se faça essas 3 perguntas:

1-Para quem eu estou emprestando o meu dinheiro?
2-Qual a chance de ele me dar um calote?
3-Se ele me der o calote, eu tenho alguma garantia? Ou tenho como
recuperar meu dinheiro?

Apenas de realizar estas 3 perguntas você já descartaria investir em uma infinidade de investimentos e perceberia que renda fixa não é sinônimo de segurança. Os investimentos são divididos em duas categorias, públicos e privados:

1-Públicos: são emitidos pelo governo com a finalidade de financiar suas atividades. São os investimentos considerados de menor risco.

2-Privados: são emitidos por entidades privadas. Eles podem ser subdivididos em três categorias, sendo elas:

a- Emissões bancárias: CDB sendo o mais famoso, mas existem outros como: LCI, LCA, LF, RDB, DPGE, LC entre outros.

b- Emissões não bancárias: são emitidos por empresas não financeiras e com um propósito específico, como construir uma estrada ou um hospital. Este investimento é conhecido como debênture.

c- Crédito estruturado: normalmente o investidor acessa este investimento via fundos de crédito estruturado. Possui a característica de, normalmente, você não saber para quem está emprestando seu dinheiro diretamente apenas as características do tomador. Por este motivo é considerado o investimento em renda fixa de maior risco e o que possui maior rentabilidade.

Como você já percebeu, existem investimentos em renda fixa de baixo e de alto risco. Para monitorar qual o risco de crédito atribuído para cada investimento você deve realizar uma análise considerando alguns pontos importantes, dentre eles:

  • A capacidade do tomador de honrar com sua dívida.
  • Quais as garantias eu possuo para me proteger.
  • O ambiente macroeconômico está favorável ou desfavorável para o setor.
  • Este investimento está registrado em algum órgão regulador?
  • Quais os fundamentos do investimento e como ele pretende ser pago?

Existem empresas especializadas em realizar esta análise de risco de crédito que são chamadas de “Agências de Classificação de Risco de Crédito” também conhecidas como Agências de Rating. Estas agências fazem toda a análise da empresa e do investimento e atribui uma nota que normalmente é em formato de letras, como “AAA”. Este é conhecido como rating do investimento. O investidor pode tomar como base a nota de crédito e o relatório emitido pela agência para avaliar se quer ou não entrar naquele investimento.

Um ponto muito importante e que poucos investidores levam em conta é o acompanhamento do investimento. A análise para verificar o crédito não deve ser apenas realizada antes de investir, mas também após o investimento para acompanhar o desenvolvimento dele. Este acompanhamento pode lhe fazer perceber se as coisas andam bem ou não.

Uma opção para quem não possui tempo e conhecimento para realizar esta análise frequente é investir em fundos de investimento de renda fixa. Ao investir em um fundo você está contratando um gestor especializado no setor que realizará toda a análise e seleção dos investimentos. O caso de investir em fundos de investimento também requer uma análise de risco. Diferente da análise dos investimentos diretamente, é preciso pesquisar alguns pontos como:

  • Histórico do gestor e do fundo
  • Quais investimentos o fundo pode ou não realizar
  • Quais os riscos que aquele fundo está tomando
  • Se as taxas cobradas são adequadas
  • Comparar com outros fundos do mesmo segmento

A partir desta análise própria ou terceirizada (fundos de investimento) é possível realizar bons investimentos e ficar de fora de investimentos que não condizem com seu perfil de risco.

João Pedro Araújo

João Pedro Araújo

Hoa Asset Management

João Pedro Araujo é gestor de recursos e fundador da Hoa Asset Management. João é engenheiro civil, pós-graduado em Mercado Financeiro e possui certificação de gestores Anbima (CGA). A Hoa atua no planejamento de gestão patrimonial para famílias e indivíduos. Caso queira entrar em contato, envie um e-mail para: [email protected]

Disclaimer: Este material é produzido e distribuído somente com os propósitos de informar e educar, e representa o estado do mercado na data da publicação, sendo que as informações estão sujeitas a mudanças sem aviso prévio. Este material não constitui declaração de fato ou recomendação de investimento ou para comprar, reter ou vender quaisquer títulos ou valores mobiliários. O usuário não deve utilizar as informações disponibilizadas como substitutas de suas habilidades, julgamento e experiência ao tomar decisões de investimento ou negócio. Essas informações não devem ser interpretadas como análise ou recomendação de investimentos e não há garantia de que o conteúdo apresentado será uma estratégia efetiva para os seus investimentos e, tampouco, que as informações poderão ser aplicadas em quaisquer condições de mercados. Investidores não devem substituir esses materiais por serviços de aconselhamento, acompanhamento ou recomendação de profissionais certificados e habilitados para tal função. Antes de investir, por favor considere cuidadosamente a sua tolerância ou a sua habilidade para riscos. A administradora não conduz auditoria nem assume qualquer responsabilidade de diligência (due diligence) ou de verificação independente de qualquer informação disponibilizada neste espaço. Administradora: TradersNews Informação & Educação Ltda. Todos os direitos reservados.

TradersClub

O app essencial para investidores do mercado financeiro brasileiro.

Uma comunidade com milhares de investidores, ferramentas e serviços que vão ajudar você a investir melhor!

TradersClub