TC School / Análise Técnica

Análise técnica: conheça os padrões harmônicos

18/08/2020 às 12:00

TC School TC School

Neste texto você aprenderá sobre as principais características dos padrões harmônicos de mercado utilizados na análise técnica. Para facilitar o entendimento, o texto está dividido nos seguintes tópicos:

  • Introdução: entenda o conceito de padrões harmônicos
  • Padrões harmônicos: ABCD
  • Zonas dos padrões harmônicos
  • Considerações finais

Boa leitura!

Ilustração de homem e mulher segurando lápis e régua

Leia mais sobre análise técnica:

Introdução: entenda o conceito de padrões harmônicos

Os padrões harmônicos foram descobertos por H.M. Gartley em 1932 e a teoria foi posteriormente aprimorada por Larry Pesavento, autor de um livro sobre as Relações de Fibonacci com reconhecimento de padrões. Nesse sentido, a principal ideia é identificar os níveis nos quais a tendência geral será retomada após uma correção, bem como os alvos desta tendência.

Esses padrões podem ser bullish ou bearish e podem parecer bem semelhantes entre si. Entretanto, eles têm algumas distinções; a arte do trading harmônico está justamente na capacidade de diferenciar os padrões em questão. Nesse sentido, todos os padrões harmônicos estão vinculados com níveis-chave da correção Fibonacci. Os padrões harmônicos funcionam em todos os gráficos.

Padrões Harmônicos: ABCD

O modelo mais comum do padrão é o XABCD, em:

(XA) – o movimento direcionado, em que o ponto (X) é o início da tendência e ponto (А) é o seu pico;

(AB) – a correção da tendência, em que o ponto (B) marca o extremo da correção;

(BC) – a linha de continuação da tendência com o pico em ponto (С);

(CD) – o movimento final contrário ao segmento de reta (AB)

Modelo de padrão harmônico XABCD

Fonte: Webchart

Para começar a operar com o padrão, é preciso ter conhecimento sobre as coordenadas dos pontos (X), (A), (B), (С) no histórico do gráfico. Assim, quando possuir estes quatro pontos, poderá definir o tipo do padrão e as suas caraterísticas. Os pontos do padrão precisarão cumprir as condições seguintes:

OBS: é de suma importância ser rigoroso quanto aos parâmetros no padrão gráfico. Qualquer desvio reduz consideravelmente a probabilidade de alcançar os objetivos estabelecidos nas operações.

Zonas dos Padrões Harmônicos

Quando você determinou o tipo do padrão gráfico, é necessário encontrar algumas regiões:

Potential Reversal Zone (PRZ) ou Zona de Reversão Potencial (ZRP)

Todos os padrões têm começo e final. Desta forma, uma boa forma de caracterização se destaca na análise técnica pela determinação bastante certa do ponto final do padrão. Como um padrão harmônico apresenta por si só um modelo de reversão, o ponto final da figura chama-se Zona de Reversão Potencial (ZRP). Este nível se determina mediante os níveis de Fibonacci nos limites estabelecidos por padrão em análise.

Outro ponto interessante nesse tipo de estudo é o comportamento do preço neste nível. Se o preço não reage à ZRP, isto pode ser resultado da alta potencialidade do movimento corrente e deixa incógnitas sobre a confirmação deste padrão.

Stop Loss Zone (SLZ) ou Zona de Stop Loss (ZSL)

Principal elemento da gestão de riscos em trading é a determinação de nível aceitável de prejuízos que o operador tem capacidade de sofrer. Em operações com padrões harmônicos existe a zona fora de limites do nível de reversão (ZRP). Neste ponto torna-se óbvio que o padrão não atuou e é necessário limitar os prejuízos, rever os parâmetros e estimar novamente as previsões. Além disso, também é necessário realizar a correção de possíveis erros.

Profit Protection Zone (PPZ) ou Zona de Proteção de Proveitos (ZPP)

Existe uma regra que deve ser tida como principal nos trades harmônicos e também no gerenciamento de risco de muitas outras estratégias. Essa regra diz que “nunca permita que o seu lucro se torne o seu prejuízo”. Levando em conta esta premissa, antes de iniciar uma operação, é necessário definir a Zona de Proteção de Proveitos (ZPP). Nesse sentido, este é o ponto em que você poderá proteger uma parte dos seus ganhos para garantir a ausência prejuízos em caso de a tendência se reverter e alcançar o nível de ZSL.

Initial Profit Objective (IPO) ou Objetivo Inicial do Proveito (OIP)

Primeiramente, para qualquer setup é importante ter pré-definido o ponto de proteção de posição. Assim, na trading harmônica, o Objetivo Inicial do Proveito (OIP) são os níveis 38,2 e 61,8% do ponto mais alto do padrão. Dessa forma, se o preço alcança a este nível, mas não é capaz de cobri-lo, é importante proteger uma parte de lucros. As observações dos traders mostram que em caso de entrada no mercado acontecer em um ponto de reversão e cumprindo todos parâmetros necessários, o nível 38,2% de máximo do padrão poderá ser atingido com uma alta probabilidade. Dessa forma, na maioria das vezes, se escolhe este ponto para entrar em área sem prejuízos, ou seja, a Zona de Stop Loss (ZSL).

Exemplos teóricos:

Vamos aos um exemplo prático:

Bitcoin/Dollar

Dollar/CAD

Ouro Futuro

USD/CHF

Considerações finais

Angle of Ascent/Descent ou Ângulo de Ascenso e Descenso

Mesmo um ponto de trading harmônico não indica o ângulo de movimento do preço na região de reversão. Se o papel muda de direção muda nesta zona e em vez de um impulso estimado entra em flat, isto é um acontecimento a se levar em consideração para rever as previsões e seus objetivos nessa operação.

Time Zone ou Períodos de Tempo.

A partir daqui você já possui conhecimento sobre os padrões harmônicos, e que eles baseiam nos números de Fibonacci. Assim, estas regras servem não apenas para os níveis do preço, mas também, para os períodos de tempo.

Nesse contexto, em um padrão harmônico ideal, os intervalos de tempo para formar a ala esquerda XB e a ala direita BD terão que coincidir. Entretanto, esta proporção na maioria das vezes não é cumprida. Por isso, para verificar a capacidade do padrão, se distinguem os limites, nos quais a distância BD = de 0.382 a 1.618 do segmento de reta XB.

Por fim, essa regra é aplicável aos movimentos da tendência, após o ponto de reversão ZPR. O comprimento deste movimento, cujo impulso se iniciou em ponto (D), está incluída nos limites do período de tempo de 0.382 a 1.618 do segmento de reta BD.

Natanael Liberalino
Natanael Liberalino
Certificado de Especialista em Investimentos – CEA/ANBIMA
Estudante de Economia

Esse conteúdo foi útil?

TC School

TC School

Disclaimer: Este material é produzido e distribuído somente com os propósitos de informar e educar, e representa o estado do mercado na data da publicação, sendo que as informações estão sujeitas a mudanças sem aviso prévio. Este material não constitui declaração de fato ou recomendação de investimento ou para comprar, reter ou vender quaisquer títulos ou valores mobiliários. O usuário não deve utilizar as informações disponibilizadas como substitutas de suas habilidades, julgamento e experiência ao tomar decisões de investimento ou negócio. Essas informações não devem ser interpretadas como análise ou recomendação de investimentos e não há garantia de que o conteúdo apresentado será uma estratégia efetiva para os seus investimentos e, tampouco, que as informações poderão ser aplicadas em quaisquer condições de mercados. Investidores não devem substituir esses materiais por serviços de aconselhamento, acompanhamento ou recomendação de profissionais certificados e habilitados para tal função. Antes de investir, por favor considere cuidadosamente a sua tolerância ou a sua habilidade para riscos. A administradora não conduz auditoria nem assume qualquer responsabilidade de diligência (due diligence) ou de verificação independente de qualquer informação disponibilizada neste espaço. Administradora: TradersNews Informação & Educação Ltda. Todos os direitos reservados.

TradersClub

O app essencial para investidores do mercado financeiro brasileiro.

Uma comunidade com milhares de investidores, ferramentas e serviços que vão ajudar você a investir melhor!

TradersClub