TC Mover
Mover

Minério fecha semana em queda; dúvidas sobre impacto de acidente da Vale 

Postado por: TC Mover em 15/02/2019 às 9:53

Os futuros de minério de ferro fecharam a semana em queda, revertendo a tendência vista ao longo da semana passada e parte desta, na esteira de uma releitura no mercado de que o acidente da mina da Vale em Brumadinho não terá impacto duradouro nos preços do mineral.

 

O contrato futuro contínuo do mineral negociado na bolsa de Dalian, na China, recuou pela terceira vez em cinco dias, caindo 0,3% a 624 iuanes a tonelada. Em Cingapura, o contrato recuou pela segunda sessão consecutiva. O contrato spot baseado no preço do porto de Qingdao, na China, caiu 0,2% a US$88,16 a tonelada no pregão de hoje.

 

Desde o acidente da Vale, em 25 de janeiro, o mercado de minério de ferro tem visto volumes e flutuações de preços violentas, fortes ajustes nas projeções de preço por parte de analistas e tradings especializadas e uma onda de notícias que mantém todo mundo no mercado confuso.

 

Ao que parece, as especulações iniciais de escassez do mineral na China não devem se materializar – ou seja, a alta exagerada de dias recentes não deve se sustentar, já que a demanda por minério na China não será o suficiente para impulsionar a produção, disseram analistas do HSBC nesta semana. Além disso, qualquer redução no fornecimento da Vale, impactada pelo acidente da mina de Brumadinho, deverá ser compensada com minério de outros concorrentes, outras casas disseram.

 

O noticiário sobre o acidente da Vale hoje bate mais nas implicações legais e reputacionais da companhia do que no cenário para a produção de minério: oito funcionários da Vale foram presos na manhã desta sexta-feita, em meio a “fundadas razões de autoria ou participação dos investigados na prática de centenas de crimes de homicídio qualificado”, após a tragédia de Brumadinho, disse o Ministério Público do Estado de Minas Gerais em comunicado.

 

Foram decretadas prisões temporárias, pelo prazo de 30 dias, de quatro gerentes da Vale e outros quatro integrantes das respectivas equipes técnicas. Dois dos gerentes têm cargos executivos na companhia.

 

(Foto: Mina de ferro/Mining Global)

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis