TC Mover
Mover

Treasuries caem após PIB dos EUA bater consenso; pergunta é se mercado reverá aposta de cortes

Postado por: TC Mover em 26/07/2019 às 10:01

Os preços dos títulos de dívida do governo americano recuaram após dados da economia dos Estados Unidos mostrarem leituras mistas, com o crescimento trimestral batendo o consenso, mas a expansão anual de 2018 sendo reduzida. Para membros do TC, a pergunta que fica é se os dados de hoje gerarão uma revisão das expectativas de corte da taxa de juros pelo Federal Reserve na semana que vem e para o restante do ano.

 

A economia americana cresceu a um ritmo saudável no segundo trimestre, com o aumento nos gastos das famílias compensando o menor investimento empresarial e ofuscando o impacto negativo da guerra comercial com a China. Se a expansão atual continuar por mais um mês, se tornará a mais longa da história do país, com 121 meses consecutivos. O Produto Interno Bruto, a soma dos bens e serviços produzidos em toda a economia ao longo de um período, cresceu a uma taxa anualizada de 2,1% no trimestre abril-junho, acima do consenso de 1,8%, porem abaixo dos 3,1% do primeiro trimestre.

 

O rendimento dos Treasuries de dez anos, que opera em direção oposta ao preço dos títulos, reverteu as quedas e passou a subir 1 ponto-base após a divulgação do número, cotado a 2,090% . O dólar americano acelerou a alta ante divisas pares e de países emergentes e avançava 0,10% às 09h45. Os futuros das bolsas americanas sustentaram os ganhos, por volta dos 0,20%, após a publicação dos dados. Segundo traders, ainda não havia sinais de que o investidor no mercado americano estava a caminho de rever o consenso majoritário de recuo de quase meio ponto percentual na taxa Fed Funds na reunião de política monetária de 31 de julho.

 

No Brasil, o câmbio teve pressão altista com a divulgação, mas revertia a tendência e o real se valorizava ante o dólar na B3. Os juros futuros recuavam em bloco – em um sinal de que o mercado acredita que o Federal Reserve – banco central americano – e o Banco Central do Brasil deverão reduzir suas taxas básicas na quarta-feira.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis