TC Mover
Mover

Tensões com Brexit, guerra comercial ressurgem e mercados caem; no radar, Livro Bege, balanços e Bolsonaro-PSL

Postado por: TC Mover em 16/10/2019 às 9:13

Nesta quarta-feira de Livro Bege e vendas no varejo nos Estados Unidos, de atividade congressional no Brasil e mais tensão geopolítica, os mercados recuam. Com o Brasil refém da narrativa externa, será difícil que os mercados locais descolem – aliás, aqui há vencimento de opções sobre o índice Bovespa. A lista de notícias para monitorar é longa: EUA decidem mergulhar na situação interna de Hong Kong e enfrentam a fúria dos chineses. Empecilhos e ameaças de demora assombram o Brexit. A briga entre o presidente Jair Bolsonaro e o PSL piora. O Congresso continua avançando nas pautas relevantes, apesar de Bolsonaro.

 

O Senado brasileiro aprovou ontem, por 68 votos a zero, o projeto que distribui entre a União, estados e municípios os recursos do leilão de sobras do pré-sal, programado para 6 de novembro. Além de trazer alívio para os cofres do governo e dos entes subnacionais, a aprovação do projeto é mais uma amostra de que o pêndulo político está firme na centro-direita e que assim deve persistir até, pelo menos, a eleição municipal do ano que vem. O projeto segue para sanção presidencial. O mercado sabe que o aval do Senado para a partilha dos recursos do leilão é fundamental para facilitar a aprovação, em segundo turno, da Reforma da Previdência na semana que vem. A ANP informou ontem que 17 empresas se habilitaram para participar da 6ª Rodada, como o leilão é conhecido tecnicamente.

 

O destaque desta quarta-feira entre as divulgações de dados mundo afora são as vendas no varejo nos EUA relativas a setembro. A FGV divulgou dados de inflação medidos pelo IPC-S pelo IGP-10, que ficaram levemente abaixo do consenso. À tarde, o Banco Central informa dados do fluxo cambial semanal – que deve mostrar uma alta considerável na saída de recursos do país. O investidor deve ficar atento, ainda, ao vencimento de opções sobre o Ibovespa. No exterior, o Reino Unido e a Zona do Euro divulgaram índices de preços ao consumidor e ao produtor. Na Europa, o núcleo ficou abaixo do esperado. A UE ainda disponibiliza a balança comercial de agosto. Nos EUA, serão divulgados o índice do mercado imobiliário residencial, a variação de estoques de petróleo e o Livro Bege do Federal Reserve – primeiro passo antes da decisão de juros deste mês.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis