TC Mover
Mover

Reflexos da prisão de Temer e reforma mantêm mercado na defensiva

Postado por: TC Mover em 22/03/2019 às 9:29

Raramente as sextas-feiras são movimentadas no âmbito político no Brasil: os parlamentares geralmente viajam para suas regiões e os plenários das duas casas do Congresso permanecem vazios, à espera da semana seguinte. Mas a prisão de ontem do ex-presidente Michel Temer, um dos mais poderosos líderes políticos das últimas décadas, no âmbito da Operação Lava Jato, as provocações entre o governo do presidente Jair Bolsonaro e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e o projeto de reforma das aposentadorias dos militares mantêm Brasília – e os investidores – com os nervos à flor da pele.  

 

A preocupação é que a prisão de Temer e do seu aliado, o ex-ministro Wellington Moreira Franco – que, lembremos, é casado com a sogra de Maia – gere algum desconforto adicional que possa dar uma freada na agenda legislativa de Bolsonaro e atrasar a aprovação da reforma da Previdência. Ontem a bolsa caiu pelo terceiro dia seguido, o dólar disparou e os juros com vencimentos mais longos ajustaram para cima, em busca de prêmio. Se não tivesse sido pelo exterior relativamente ameno, a coisa teria sido pior: pelo menos, o Tesouro Nacional conseguiu colocar US$1,5 bilhão em bônus de dez anos a uma taxa muito baixa.

 

Assim, volatilidade em alta, movimentos de realização e uma postura defensiva devem nortear as estratégias dos investidores hoje. Na agenda local, nada de divulgações econômicas e só umas poucas publicações de resultados corporativos: Eternit e Ser Educacional. No âmbito externo, tivemos índices de atividade na Alemanha e na Zona do Euro agora de manhã, com números mistos, e, nos Estados Unidos, teremos os mesmos dados às 10h45, na esteira de temores sobre uma desaceleração global. Entre os eventos, os destaques ficam com o possível anúncio de um bloqueio de gastos de R$30 bilhões no meio da manhã, assim como o leilão de pelo quatro terminais portuários na B3, às 10h00.

 

Quer ser um investidor bem informado? Cadastre-se no TradersClub e siga nosso canal de notícias e comentários exclusivos.

 

Mercado hoje, segundo Contribuidores TC


Os principais índices acionários na Ásia e na Europa e os futuros das bolsas americanas operavam em clima misto nesta sexta-feira, mas bem próximos à estabilidade, com os investidores à espera de novos dados econômicos dos Estados Unidos que possam confirmar a preocupação do Federal Reserve com o crescimento da economia americana.

 

Na Europa, a decisão da Comissão Europeia de conceder um prazo maior para a saída do Reino Unido do bloco ajudou a impulsionar a libra esterlina momentaneamente, antes de voltar a ceder perante o dólar americano. As principais bolsas da região têm leve queda no início da manhã. O presidente chinês, Xi Jinping, está de visita oficial a Roma, onde deve discutir possíveis parcerias econômicas com os países da União Europeia.

 

No mercado das commodities, o ouro reduziu a alta diante do dólar com o arrefecimento das preocupações do mercado sobre o crescimento global – os investidores aguardam dados do PMI americano de hoje. A espera também ajuda a segurar a alta dos preços do petróleo, que hoje têm leve ajuste para baixo atingirem o maior patamar de 2019.

 

Principais notícias corporativas

 

Eletrobras: A Eletrobras informou que os contratos relacionados à construção de Angra 3 foram objeto de análise de investigação conduzida pela empresa, de 2015 a 2018. A empresa registrou perdas de R$141,3 milhões e disse que está acompanhando a Operação Lava Jato para avaliar se deve adotar alguma medida, visando ressarcimento de perdas.

 

Cyrela: A Cyrela comunicou que registrou lucro líquido de R$116 milhões no quarto trimestre, um aumento de 138,1% na base anual.

 

Triunfo: A Triunfo Participações e Investidores informou que a 23ª. Vara Federal da Subseção Judiciária de Curitiba, do Paraná, determinou o bloqueio de contas da empresa, no âmbito da Operação Integração. O processo corre em sigilo.

 

Totvs: A Totvs anunciou que fechou parceria com a Redecard para promover soluções de adquirência e antecipação de recebíveis aos clientes da Totvs. A empresa diz que o negócio representa o início da estruturação da Totvs para sua jornada de Fintech.

 

Profarma: A Profarma apresentou lucro líquido de R$2,2 milhões no quarto trimestre, revertendo o prejuízo de R$25,5 milhões apurado no mesmo período em 2017.

 

Petrobras I: A Petrobras comunicou que obteve decisão favorável, revertendo a liminar que suspendia a hibernação de fábrica de fertilizantes na Bahia. Assim, a estatal seguirá com o processo para a hibernação da unidade, cujo processo licitatório para arrendamento segue em andamento.

 

Petrobras II: Depois de veto do Cade, Petrobras retoma oferta da Liquigás ao mercado (Estado)

 

Biotoscana: A Biotoscana registrou lucro líquido de R$18,5 milhões no quarto trimestre, uma queda de 24,8% na comparação anual.

 

Agenda do dia

 

Indicadores internacionais

05h30 Alemanha – PMI composto (março); consenso 52,7

05h30 Alemanha – PMI industrial (março); consenso 48,1

06h00 UE – Transações correntes (janeiro)

06h00 UE – PMI composto markit (março); consenso 52

06h00 UE – PMI industrial (março); consenso 52

06h00 UE – PMI de serviços (março); consenso 52,7

06h30 Reino Unido – Dívida líquida do setor público (fevereiro); consenso -£30 mi

10h45 EUA – PMI industrial (março); consenso 53,5

10h45 EUA – PMI de serviços (março); consenso 56,2

11h00 EUA – Vendas de casas usadas mensal (fevereiro); consenso 2,20%

11h00 EUA – Estoques no atacado mensal (janeiro)

15h00 EUA – Balanço orçamentário federal (fevereiro); consenso US$25 bi

 

Resultados trimestrais

DF Eternit

ND Ser Educacional

 

Teleconferências de resultados

10h30 EZTec

11h00 Cyrela, Profarma

 

DISCLAIMER: Este newsletter não tem o objetivo de promover a venda de títulos e valores mobiliários específicos, e sim, de informar correta e oportunamente a quem o recebe.

 

(Foto: Michel Temer/Agência Brasil)

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis