TC Mover
Mover

Previdência, Petrobras, EUA e China são destaques da segunda-feira

Postado por: TC Mover em 14/01/2019 às 7:42

O noticiário do final de semana foi bastante movimentado e deve marcar alguns dos eventos mais importantes da semana. Em geral, o tom veio favorável ao mercado, com matérias políticas que devem dar mais força ao governo do presidente Jair Bolsonaro e outras que podem impactar de forma positiva algumas das companhias mais seguidas pelo investidor.

 

Um fato notável é o enfraquecimento cada vez mais latente do PT, que sofre com um isolamento cada vez maior na esquerda, com os conflitos reputacionais relacionados ao apoio dado ao regime venezuelano, à derrota no STF de uma tentativa de paralisar as vendas de ativos da Petrobras e à captura na Bolívia do terrorista italiano Cesare Battisti, um protegido do PT. O episódio de Battisti, além de ser uma dura derrota para o PT, foi usado por Bolsonaro como pretexto para atacar o partido. Um PT acuado pode ser bom para o cenário das reformas, a poucos dias da eleição das mesas diretoras das casas do Congresso.

 

No exterior, o foco deve ser o 24º dia de paralisações nos Estados Unidos, que começam a se tornar bem perigosos ao governo do presidente Donald Trump. No final de semana, senadores republicanos apelaram ao líder via redes sociais para que ele chegue a um acordo com o Congresso em relação à inclusão da verba para o muro no orçamento do governo central. Os mercados ao redor do mundo acenderam o sinal de cautela por conta da discussão, e os futuros das bolsas americanas, assim como os índices europeus e asiáticos, caíam, também acompanhando os números bem piores do que o imaginado para a balança comercial chinesa – afetada pela guerra comercial com os EUA.

 

Por aqui, o investidor deve ficar de olho em possíveis avanços nas negociações da reforma da Previdência e em sinais mais concretos sobre o que será proposto pela equipe de Bolsonaro ao Congresso – os jornais dizem que o texto deve ser bem mais severo do que aquele elaborado pelo ex-presidente Michel Temer. Também, a queda da liminar que proibia a Petrobras de vender ativos deve ajudar a impulsionar os papéis da estatal. Preste atenção ainda em um novo discurso de Jerome Powell, o presidente do Federal Reserve, que fala durante o dia nos EUA, e nos dados da indústria da Zona do Euro, que saem às 08h00.

 

Quer ser um investidor bem informado? Cadastre-se no TradersClub e siga nosso canal de notícias e comentários exclusivos.

 

Mercado hoje, segundo Contribuidores TC

 

As bolsas asiáticas perderam terreno hoje, seguindo algumas das principais moedas da região, após dados do comércio da China de dezembro reacenderem os temores sobre a saúde da economia global. Os futuros dos índices referência do mercado americano e dos Treasuries apontavam para recuos nesta segunda-feira.

 

Os mercados de Hong Kong e Xangai tiveram fortes quedas. O iuan resistiu e manteve ganhos ante o dólar americano, depois de que estrategistas do Goldman Sachs ajustaram para cima sua estimativa de alta para a moeda. O mercado no Japão está fechado por conta de um feriado, deixando a negociação dos futuros dos Treasuries para o pregão europeu.

 

A libra esterlina operava antes da votação no Parlamento do Brexit. O investidor precisa ficar de olho na divulgação dos resultados trimestrais dos bancos dos EUA e nos desdobramentos da paralisação parcial do governo americano.

 

Principais notícias corporativas

 

Embraer: Conselho deu aval à negócio com a Boeing após aprovação do governo.

 

BR Properties: BR Properties vende três imóveis comerciais ao FII UBS por R$395 milhões.

 

Cyrela: Cyrela reduz participação na Tecnisa para menos de 7,5%.

 

CCR: Subsidiária da CCR assina concessão para explorar trecho da BR entre a divisa de SC/RS até o estado de RS.

 

Bradesco: Com rentabilidade menor que rivais, Bradesco corta 2 vice-presidências (Valor)

 

BTG Pactual: Juiz mantém liminar em ação da XP contra BTG (Valor)

 

Petrobras: Movimento para trocar conselheiros da Petrobras levanta críticas sobre governança, dizem fontes (Reuters)

 

Eneva: Eneva prevê equacionar no 2° semestre financiamento para expansão de termelétrica (Reuters)

 

Agenda do dia

 

Indicadores nacionais

08h25 Relatório Focus

15h00 Balança Comercial semanal

 

Indicadores internacionais

N.D. China: Exportações anual (dezembro); consenso 3,00%

N.D. China: Importações anual (dezembro); consenso 5,00%

N.D. China: Balança comercial (dezembro); consenso US$51,53 bi

N.D. China: Investimento estrangeiro direto

N.D. China: Novos empréstimos

08h00 Zona do Euro: Produção industrial mensal (novembro); consenso -1,30%

 

DISCLAIMER: Este newsletter não tem o objetivo de promover a venda de títulos e valores mobiliários específicos, e sim, de informar correta e oportunamente a quem o recebe.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis