TC Mover
Mover

Petróleo puxa bolsas apesar de 1 milhão com vírus; atenção à China, orçamento de guerra e emprego nos EUA

Postado por: TC Mover em 02/04/2020 às 18:39

As bolsas voltaram a subir hoje, recuperando parte das perdas da semana, apesar dos dados extremamente ruins de emprego nos Estados Unidos e do crescimento da pandemia de coronavírus, que já contaminou 1 milhão no mundo. Os índices foram impulsionados pela disparada do petróleo, que roubou a cena depois de o presidente americano Donald Trump alardear que teria conseguido convencer russos e sauditas a deixarem de lado a guerra de preços que vem devastando o mercado da commodities e cortarem a produção mundial em até 15 milhões de barris por dia. Ao longo do dia, porém, as declarações de Trump foram vistas com desconfiança por especialistas, que contestaram o tamanho do corte, mesmo após informações de que os sauditas chamaram uma reunião do grupo Opep+.

As estimativas para a economia americana vão piorando à medida que a epidemia de coronavírus avança e consolida o país como novo epicentro da doença, com 230 mil contaminados. Rússia, Alemanha e Itália já anunciaram a prorrogação das medidas de quarentena, o que deve ampliar a recessão global. A forte deterioração dos indicadores, por sua vez, abre espaço para novas medidas de estímulo serem aprovadas, derrubando a resistência dos políticos mais preocupados com as contas públicas, acreditam alguns analistas.

É o que deve ocorrer no Brasil com o projeto do Orçamento de Guerra, que deve ser votado amanhã na Câmara, dando amplos poderes para o Executivo gastar mais para controlar o vírus sem prejudicar o orçamento oficial. Outros projetos, como suspensão dos despejos por falta de pagamento e benefícios para determinados setores também podem ser aprovados, enquanto o presidente Jair Bolsonaro segue com sua disputa com os governadores defendendo o fim das quarentenas. Hoje à noite, saem dados de atividade, o PMI de serviços da China, que devem trazer números menos positivos que os da indústria divulgados esta semana. Os dados de emprego oficial dos Estados Unidos, o Payroll, vão mostrar como estavam renda e desemprego em março, antes portanto da epidemia.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis