TC Mover
Mover

Mercado de olho em Petrobras, risco no exterior e reforma em dia de agenda cheia

Postado por: TC Mover em 27/02/2019 às 8:57

Mesmo com a agenda de divulgações e resultados corporativos cheia para esta quarta-feira, o mercado local deve manter a posição cautelosa dos últimos dias, seguindo mais ruído do exterior e na expectativa por notícias em relação à reforma da Previdência. Os comentários do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, no evento do banco BTG Pactual acenderam os alarmes de alguns investidores, mas não o suficiente para fazer os mercados caírem de vez. O mercado se prepara para a reunião do Conselho Nacional de Política Energética que discutirá a revisão do acordo de cessão onerosa entre o governo e a estatal petrolífera, e espera os números do PIB brasileiro do quarto trimestre, a serem divulgados amanhã.

 

Hoje devem falar no evento do BTG Pactual os ministros Bento Albuquerque, de Minas e Energia, Tarcísio de Freitas, da Infraestrutura, assim como o secretário de Privatizações, Salim Mattar. A Petrobras é destaque nos balanços, após o fechamento, assim como Microsoft, Facebook e a AT&T nos Estados Unidos.

 

No restante do mundo, o dia será recheado de indicadores, principalmente nos Estados Unidos – teremos pedidos de bens duráveis, encomendas à indústria e balança comercial, todos na parte da manhã. Fique de olho, também, em mais um discurso do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, que ontem voltou a apertar a tecla de “paciência” nas decisões de juros do país. Na Europa, a expectativa com o Brexit contamina o pregão, com a libra esterlina atingindo o maior patamar dos últimos dez meses após a premiê Theresa May interceder por um possível adiamento para o prazo final para a saída do Reino Unido da União Europeia.

 

Quer ser um investidor bem informado? Cadastre-se no TradersClub e siga nosso canal de notícias e comentários exclusivos.

 

Mercado hoje, segundo Contribuidores TC

 

As bolsas na Europa e na Ásia operam mistas nesta quarta-feira à espera da reunião entre os líderes americano, Donald Trump, e norte-coreano, Kim Jong-Un, em Hanoi, capital do Vietnã. O encontro deve tratar da desnuclearização da península coreana, mas coloca mais um ponto de cautela no radar dos mercados sobre as relações americanas com o continente asiático – a negociação com o governo chinês para um possível acordo comercial continua em andamento, mas sem grandes novidades nos últimos dois dias.

 

Outra situação, também na Ásia, que coloca alguma cautela extra no horizonte dos investidores é a escalada do conflito entre a Índia – segundo país mais populoso do mundo – e o Paquistão. Ambas as nações são potências nucleares e brigam pela região fronteiriça desde 1947. Ontem, a força aérea indiana atingiu supostos acampamentos terroristas da nação vizinha, que revidou com ataque a caças do país.

 

O iene japonês, típico ativo de proteção ao risco, voltou a subir em relação ao dólar americano enquanto o mercado estuda as consequências dos ataques na região.


Principais notícias corporativas

 

RD: A Raia Drogasil acertou a compra de 100% do capital social da Drogaria Onofre, atualmente controlada pela CVS. Em fato relevante, a companhia destaca que a Onofre é “uma das referências nacionais em e-commerce”.

 

Eletropaulo: A Eletropaulo apresentou um prejuízo líquido de R$157 milhões no quarto trimestre, inferior às perdas de R$975 milhões apuradas um ano antes.

 

Carrefour Brasil: O grupo Carrefour Brasil divulgou um lucro líquido consolidado de R$758 milhões no quarto trimestre, salto de 65,9% na base anual.

 

Aliansce: A Aliansce apresentou um lucro líquido de R$61,2 milhões referente ao quarto trimestre, um declínio de 19,7% na comparação anual.

 

Odontoprev: A Odontoprev publicou um lucro líquido de R$284,8 milhões alusivo ao acumulado em 2018, ante o resultado de R$502,9 milhões em 2017.

 

SulAmérica: A SulAmérica registrou um lucro líquido de R$393,6 milhões referente ao quarto trimestre, declínio de 4,6% na base anual.

 

Klabin: A Klabin adiou de 28 de março para 30 de abril a assembleia geral ordinária que irá aprovar o resultado relativo ao exercício de 2018.

 

Petrobras: O conselho de administração da Petrobras aprovou a nomeação de Nivio Ziviani como novo membro.

 

Agenda do dia

 

Indicadores nacionais

08h00 Sondagem de serviços (fevereiro) – FGV

08h00 IGP-M mensal (fevereiro) – FGV

09h00 Índice de preços ao produtor (janeiro) – IBGE

09h00 Taxa de desemprego/Pnad (janeiro) – IBGE

10h30 Empréstimos bancários mensal (janeiro) – BC

12h30 Fluxo cambial estrangeiro

14h30 Resultado primário do governo central (janeiro)

 

Indicadores internacionais

06h00 UE – Empréstimos ao setor privado (anual)

07h00 UE – Confiança do consumidor (fevereiro); consenso -7,4

07h00 UE – Confiança de empresas e consumidores (fevereiro); consenso 106,8

07h00 UE – Clima de negócios (fevereiro); consenso 0,75

07h00 UE – Expectativas de inflação ao consumidor (fevereiro)

07h00 UE – Confiança nos serviços (fevereiro); consenso 11,1

07h00 UE – Confiança industrial (fevereiro); consenso 0,5

09h00 EUA – Pedidos de hipotecas MBA semanal

10h30 EUA – Pedidos de bens duráveis mensal (janeiro)

10h30 EUA – Núcleo de pedidos de bens duráveis mensal (janeiro)

10h30 EUA – Balança comercial de bens (novembro)

12h00 EUA – Encomendas à indústria mensal (dezembro); consenso 0,90%

12h30 EUA – Estoques de petróleo bruto

16h00 Argentina – Atividade econômica anual (dezembro)

20h50 Japão – Produção industrial mensal (janeiro); consenso -0,40%

20h50 Japão – Vendas no varejo anual (janeiro); consenso 0,80%

21h00 Reino Unido – Confiança do consumidor GfK (fevereiro); consenso -15

22h00 China – PMI Industrial (fevereiro); consenso 49,5

22h00 China – PMI não-manufatura (fevereiro)

 

DISCLAIMER: Este newsletter não tem o objetivo de promover a venda de títulos e valores mobiliários específicos, e sim, de informar correta e oportunamente a quem o recebe.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis