TC Mover
Mover

Juros dos Treasuries derretem com nomeações de Trump para o Fed

Postado por: TC Mover em 03/07/2019 às 9:45

Os rendimentos dos títulos de dívida do governo americano derreteram na manhã desta quarta-feira após o presidente Donald Trump nomear Judy Shelton e Christopher Waller, dois economistas que defendem rápidos e profundos cortes nas taxas de juros, para duas vagas na diretoria do Federal Reserve, o banco central americano.

 

Shelton, uma economista de orientação conservadora que tem atuado como conselheira informal de Trump, defende o retorno ao padrão-ouro – um sistema cambial que buscava o equilíbrio na economia internacional, onde o ouro era a parte mais significativa das reservas internacionais dos países. Waller é atualmente diretor de pesquisa no Fed de St. Louis.

 

A nomeação de ambos aumentou a aposta de que uma flexibilização monetária nos Estados Unidos esteja cada vez mais perto, fazendo com que o juro do Treasury note de dez anos caísse para seu menor patamar desde novembro de 2016. O anúncio de Trump veio poucas horas depois de o conselho da União Europeia decidir a nomeação de Christine Lagarde, a atual diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional e advogada com pouca experiência em política monetária, para presidir o Banco Central Europeu.

 

Economistas também listavam o feriado americano do Dia da Independência, de amanhã, e a expectativa pelos dados de emprego da economia americana hoje e na sexta, como outros motivos por trás da queda nos chamados Treasury yields.

 

O rendimento do Treasury de dez anos recuava 2 pontos-base a 1,956% por volta das 09h00, após atingir 1,943% mais cedo, durante o pregão asiático. O dólar recuava levemente, 0,03%, ante suas moedas pares na manhã de hoje, de acordo com o índice DXY.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis