TC News
News

Ibovespa sobe com Wall Street à espera de discurso de Powell; dólar cai com payroll e leilões do BC

Postado por: TC News em 06/09/2019 às 14:21

Chegou o dia do dado mais aguardado da semana: o relatório de emprego privado não-agrícola dos Estados Unidos – indicador do mercado de trabalho conhecido como payroll e que é usado para inferir como o Federal Reserve agirá na sua decisão de juros – teve, em agosto, sua pior leitura em três meses. A economia dos EUA adicionou 130 mil novos empregos em agosto, abaixo do consenso de 159 mil colhido pelo TC. Mais uma evidência de que a disputa comercial com a China está freando a economia americana. “Os números fracos de emprego devem manter o Fed no caminho de redução da taxa Fed Funds neste mês, mesmo com o aumento maior do que o esperado nos salários,” disse um economista baseado em Nova Iorque. A probabilidade de um corte de 50 pontos-base na Fed Funds cresceu de 28% para 43% hoje, disseram traders.

 

Se, por um lado, o payroll aumenta as apostas em cortes de juros por parte do Fed, por outro, demonstra a fraqueza da economia norte-americana. Por isso, logo após os dados, o índice S&P500 passou a cair e o Ibovespa desacelerou alta. Os rendimentos dos Treasuries de dez anos, que subiam no começo do dia, despencaram. Houve breve melhora no humor depois que o conselheiro econômico da Casa Branca, Larry Kudlow, disse que o telefonema com os chineses nesta semana “foi muito bem”. Ajudou no sentimento a decisão do Banco Central do Povo da China, hoje, de reduzir o os depósitos compulsórios para injetar liquidez na economia em desaceleração. Os futuros das bolsas chinesas subiram com a notícia, enquanto o ouro recuou. Geralmente, os metais vistos como porto seguro sofrem com uma ação desse tipo, enquanto os metais básicos como o cobre – um indicador de atividade econômica futura – sobem.

 

Ainda no front externo, a Alemanha, quarta maior economia do mundo, mostrou, mais uma vez, queda na produção industrial de julho, enquanto o consenso aguardava por uma leve expansão. E, na Zona do Euro, o PIB do segundo trimestre avançou 0,2%, em linha com as projeções. As tensões quanto ao Brexit persistem: ontem, o premiê britânico, Boris Johson, falou que prefere morrer a ver uma saída da União Europeia após 31 de outubro. Por lá, as bolsas operavam mistas e passaram a subir no final da manhã. O próximo grande fato do dia é o discurso que Powell dará em Zurich às 13h30. Para analistas, ele deve explicar sua leitura do cenário atual, sobre como agir na decisão de juros do dia 18 de setembro. Ao longo da última semana, vimos as divergências entre os diretores do colegiado encarregado de decidir a taxa Fed Funds, conhecido como FOMC. Há chances, no entanto, de que o mercado se decepcione e Powell não fale nada proveitoso.

 

No cenário doméstico, a inflação medida pelo IPCA variou 0,11%, ficando 0,08 ponto percentual abaixo da taxa de julho e praticamente em linha com o consenso de 0,12% colhido pelo TC. Os dados validaram um corte na taxa básica de juros Selic na próxima reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central, o Copom. Com mais de dois meses até a Black Friday e o Natal, o governo e o varejo tentam emplacar uma nova data de compras. Começa hoje, e vai até 15 de setembro a chamada “Semana do Brasil”, em que mais de 3.000 empresas de diferentes setores vão oferecer promoções, descontos e benefícios aos consumidores. Perto do meio-dia o Ibovespa subia 0,19%, a 102.439 pontos. O dólar futuro recuava 1,14%, a R$4,067, com o payroll mostrando os EUA enfraquecidos e após o Banco Central vender US$580 milhões de dólares à vista e colocar 11.600 swaps reversos em leilão conjugado. Os juros caíam em bloco, também com a aposta de corte da taxa básica de juros Selic.

 

Entre as principais varejistas negociadas na B3, as ações ON de Via Varejo e Magazine Luiza operam em queda de 1,06% e 1,85%, respectivamente, nesta sexta-feira, à espera dos ganhos com a campanha Semana do Brasil. As ações ON da Oi têm seu terceiro dia de queda, na esteira das incertezas sobre a Lei das Teles, embora no final desta manhã o Senado tenha informado que a pauta entrará na comissão de ciência e tecnologia na terça-feira. Com as quedas das commodities, Vale ON cai 0,64% e Petrobras ON e PN caem 0,38% e 0,34%, respectivamente. Os frigoríficos também recuam, após terem subido nas últimas duas sessões. JBS ON cai 1,22%, a R$29,87. Os EUA divulgam às 14h00 a contagem de sondas de petróleo Baker Hughes. No plano local, o presidente Jair Bolsonaro comparece à cerimônia de lançamento da ID Estudantil às 15h00. O ministro Paulo Guedes participa de anúncio do novo acordo automotivo entre Brasil e Argentina, em Brasília, às 16h00.

 

(Foto: Cerimônia de lançamento da ‘Semana do Brasil’ – Valter Campanato/ Agência Brasil)

TC News Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis