TC News
News

Dólar cai e Ibovespa sobe com efeito XP e expectativa de juros no Brasil e nos EUA

Postado por: TC Mover em 11/12/2019 às 14:32

O real se fortalece perante o dólar e o Ibovespa sobe com o mercado acompanhando o sucesso da oferta pública inicial da plataforma de investimentos XP Inc na Nasdaq e com a expectativa para as decisões de juros de hoje à tarde nos Estados Unidos e no Brasil. Os mercados internacionais estão em leve alta, aguardando notícias sobre uma proposta de acordo ou o adiamento das tarifas prometidas pelos EUA sobre produtos chineses, que entram em vigor dia 15 de dezembro. Na Europa, os mercados acompanham as eleições no Reino Unido amanhã e a reunião do Banco Central Europeu, que deve pedir mais incentivos fiscais para reativar a economia. O índice Bovespa retomou os 111 mil pontos, embalado pelos sinais de retomada discreta da economia apresentados pelos números de vendas no varejo.

 

Os números do varejo devem ser levados em conta pelo Comitê de Política Monetária na última reunião do ano para definir se há espaço para novas quedas dos juros além da de hoje, que deve fazer a taxa Selic cair de 5,0% ao ano para 4,5%. O Copom terá de avaliar os dados de vendas e ponderar se o crescimento já é efeito das reduções de juros feitas até aqui ou da liberação do FGTS. E considerar se as pressões que aparecem nos índices, como o IGP-M, que apresentou alta de 1,83% na primeira prévia de dezembro, em relação ao consenso de 0,60%.

 

Os investidores se animam na bolsa também com o IPO da XP, que levantou US$2,24 bilhões na bolsa americana Nasdaq com um preço de US$27 por ação, acima do teto de US$25 indicativo da oferta, e que promete subir bastante na estreia, conforme os preços indicativos no leilão de pré-abertura: segundo traders, eles apontavam para até US$35 por ação. A oferta puxou os preços de Itaú Unibanco, que tem 49,9% do capital da XP, e de concorrentes, como o BTG Pactual, ajudando na alta do Ibovespa. A ação ON da JBS cai 1,73%, a R$25,55 na mínima do dia, na esteira das notícias de ontem de que o Ministério Público Federal teria pedido que a companhia reparasse os danos ao BNDES. Hoje, o banco divulgou relatório de auditoria externa que não apontava problemas com o frigorífico.

 

(Foto: IPO da XP Investimentos – Divulgação)

TC News Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis