TC Mover
Mover

Crise no Chile aumenta temores com avanço da esquerda na região; mercados à espera de fala de Trump

Postado por: TC Mover em 12/11/2019 às 13:59

O peso chileno se aproximava das mínimas em três décadas ante o dólar americano, puxando as moedas latino-americanas, após o governo do presidente Sebastian Piñera anunciar que negociaria com a classe política a possibilidade de reescrever a Constituição para aliviar três semanas de forte tensão social e uma ameaça de greve geral. A turbulência política e financeira no Chile, a economia mais estável da região ao longo das últimas quatro décadas, impacta as moedas de outros pares latino-americanos, que de certa forma também sentem uma onda de descontentamento popular com a direção da política econômica – independentemente da orientação ideológica. Os mercados em Nova Iorque operam com leve viés de alta, à espera do discurso do presidente americano Donald Trump no Clube Econômico de Nova Iorque, onde poderá dar pistas sobre o estado das conversas comerciais com a China e a Europa.

 

Piñera negocia com a oposição socialista o apoio à proposta. O temor, segundo um gestor sediado em Santiago, é que a onda de protestos abra espaço para demandas sociais impagáveis às custas do direito de propriedade e da disciplina fiscal. Protestos no Equador e na Bolívia, assim como a volta da esquerda populista ao poder na Argentina, alimentam temores de mudanças nas regras do jogo para o investimento e os mercados financeiros. Aqui no Brasil, alguns temem uma escalada na polarização política. Parte da preocupação entre os investidores surge da soltura, na semana passada, do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que já declarou que quer o Brasil seguindo os passos do Chile. Em entrevista ao site O Antagonista, o presidente Jair Bolsonaro disse que pode fazer uso da Lei de Segurança Nacional contra as falas inflamadas de Lula. De acordo com jornais, Bolsonaro teria instado membros do governo a não contestar a decisão do Supremo Tribunal Federal de libertar Lula, mas, para ele, a incitação à violência por parte de Lula é inaceitável. “Temos uma Lei de Segurança Nacional que está aí para ser usada. Alguns acham que os pronunciamentos, as falas desse elemento, que por ora está solto, infringem a lei”, disse.

 

 A Embraer ON despencava 5,62% e tocava seu menor patamar desde dezembro de 2017 após registrar prejuízo líquido de R$314,4 milhões, pior que o consenso, e cortar a estimativa de dividendo especial para o ano que vem. A Marfrig registrou lucro líquido, receita líquida e EBITDA acima do esperado, e manteve o guidance da receita líquida entre R$47 bilhões e R$49 bilhões neste ano. Treze estabelecimentos produtores de carnes do Brasil foram aprovados para exportar aos chineses, disse em mensagem no Twitter a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, nesta terça-feira. E adivinha: a Marfrig está entre eles. Mesmo assim, o papel recua 2,22% em dia ruim no mercado.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis