TC Mover
Mover

Carnaval reforça cautela no primeiro pregão do mês; Previdência, China marcam dia de agenda cheia

Postado por: TC Mover em 01/03/2019 às 8:50

O primeiro pregão do terceiro mês deste conturbado 2019 deve refletir a postura defensiva do investidor, que pode realizar aqui e acolá, comprar algum seguro e ficar de lado antes do feriado prolongado de Carnaval, que acaba na próxima quarta-feira. Movimento esperado, pois o mundo se mostra volátil e o cenário local cada vez mais incerto com as trapalhadas do governo na busca por votos para a reforma da Previdência.

 

O início do pregão desta sexta-feira mostra os mercados globais animados após as quedas vistas ontem, seguindo dados econômicos da China acima do consenso e a recalibragem das ações chinesas num índice-referência de mercados emergentes. Hoje se encerra formalmente o prazo de negociação da trégua da guerra comercial entre os Estados Unidos e a China, mas o mercado está confiante de que haverá uma prorrogação suficientemente longa para que os termos de um acordo sustentável sejam costurados. O maior índice de ações da Europa negocia perto da máxima de cinco meses.

 

Voltando para o cenário local, o andamento da reforma preocupa. O ritmo dos pregões locais está morno há dias – certamente à espera do Carnaval e de notícias mais concretas sobre o projeto. Hoje, fique de olho na leitura do mercado sobre as declarações do presidente Jair Bolsonaro de ontem, de que tudo o que há de importante na reforma pode ser relaxado. Sinalização ruim.

 

Entre os destaques corporativos, a controladora da Multiplus anunciou que oferecerá R$26,84 por ação da companhia em oferta pública de aquisição a ser realizada em 1º de abril. A Petrobras pode continuar sofrendo alguma pressão após os comentários do diretor-presidente da companhia sobre o uso dos recursos provenientes da renegociação do contrato de cessão onerosa e dividendos futuros.

 

A temporada de resultados dá uma trégua hoje, mas antes de sair para o feriado de Carnaval, o investidor ficará de olho em uma bateria de indicadores relevantes, com destaque para dados de renda e confiança do consumidor nos EUA, vendas no varejo na Alemanha e índices de preços e indústria na Zona do Euro. Como dizíamos, o resultado do PMI Caixin na China atingiu 49,9, bem acima do consenso. O item de produção tocou os 50,2 – saindo da região de contração.

 

Quer ser um investidor bem informado? Cadastre-se no TradersClub e siga nosso canal de notícias e comentários exclusivos.

 

 

Mercado hoje, segundo Contribuidores TC


O primeiro pregão de março começa em tom positivo na maior parte dos mercados acionários ao redor do mundo seguindo os dados do PMI Caixin e a recalibragem do peso das ações chinesas no maior índice-referência dos mercados emergentes.

 

Com isso, o índice Xangai Composto disparou 1,80%, levando os mercados vizinhos do Japão e de Hong Kong a subirem 1,02% e 0,63%, respectivamente. As boas notícias em relação à indústria e ao mercado acionário da China animam os mercados europeus. Março é o mês final para a saída do Reino Unido da União Europeia, e a primeira-ministra Theresa May corre agora contra o tempo para ou acertar um melhor acordo com a Comissão Europeia ou conseguir adiar esse prazo, postergando assim uma possível saída sem acordo.



Principais notícias corporativas

 

Cia Hering: A Cia Hering apresentou um lucro líquido de R$95,4 milhões no quarto trimestre, um aumento de 11% na base anual.

 

Cia Hering II: O conselho de administração da Cia Hering aprovou a abertura de um novo programa de recompra de até 1,5 milhão de ações até fevereiro de 2020.

 

MRV Engenharia: A MRV Engenharia divulgou um lucro líquido de R$191 milhões referente ao quarto trimestre, um avanço de 5,8% na base anual.

 

Copasa: A Copasa publicou um lucro líquido 18% maior alusivo ao quarto trimestre, totalizando R$178 milhões.

 

Restoque: O conselho de administração da Restoque aprovou a venda de R$450 milhões em debêntures, com esforços restritos.

 

Cteep: A Cteep vai propor em assembleia aos acionistas em 4 de abril a proposta de desdobramento de ações, na proporção de 1 para 4.

 

Agenda do dia

 

Indicadores nacionais

08h00 IPC-S (fevereiro) – FGV

10h00 PMI industrial (fevereiro) – Markit

13h00 Venda de carros – Fenabrave

15h00 Balança comercial (fevereiro) – MinEconomia

 

Indicadores internacionais

04h00 Alemanha – Preços de bens importados mensal (janeiro); consenso -0,80%

04h00 Alemanha – Vendas no varejo (janeiro)

05h55 Alemanha – PMI industrial (fevereiro); consenso 47,6

05h55 Alemanha – Variação no desemprego (fevereiro); consenso -5 mil

05h55 Alemanha – Taxa de desemprego (fevereiro); consenso 5%

06h00 UE – PMI industrial (fevereiro); consenso 49,2

06h30 Reino Unido – Crédito ao consumidor BoE (janeiro)

06h30 Reino Unido – PMI industrial (fevereiro)

07h00 UE – IPC anual (fevereiro); consenso 1,50%

07h00 UE – Taxa de desemprego (janeiro); consenso 7,90%

10h30 EUA – PCE deflator mensal; consenso 0%

10h30 EUA – PCE deflator anual; consenso 1,70%

10h30 EUA – Núcleo do índice de preços PCE mensal (dezembro); consenso 0,20%

10h30 EUA – Núcleo do índice de preços PCE anual (dezembro); consenso 1,90%

10h30 EUA – Renda pessoal mensal (dezembro); consenso 0,50%

10h30 EUA – Gastos pessoais mensal (dezembro); consenso 0,10%

10h30 EUA – Consumo pessoal real mensal (dezembro)

11h45 EUA – PMI industrial (fevereiro)

12h00 EUA – Preços no setor manufatureiro ISM (fevereiro)

12h00 EUA – Confiança do consumidor Michigan (fevereiro)

12h00 EUA – Índice Michigan de percepção do consumidor (fevereiro); consenso 95,5

15h00 EUA – Contagem total de sondas – Baker Hughes

17h30 EUA – Total de vendas de veículos

 

Teleconferências de resultados

10h00 Cteep, Copasa, Banco Pine

11h00 Cia Hering

 

DISCLAIMER: Este newsletter não tem o objetivo de promover a venda de títulos e valores mobiliários específicos, e sim, de informar correta e oportunamente a quem o recebe.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis