TC Mover
Mover

Bolsas caminham para segunda semana de quedas com Brexit, tecnológicas; serviços no radar: Espresso

Postado por: TC Mover em 11/09/2020 às 8:10

As bolsas europeias e os futuros dos índices americanos operavam em direções mistas no último dia da semana, com investidores mirando com cautela o aquecimento das discussões em torno do Brexit, que esteve esquecido por alguns meses devido à pandemia. Ontem, a União Europeia apresentou um ultimato ao primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, para a retirada de um projeto que violaria parcialmente o acordo assinado por ambas as partes no ano passado. Os europeus ameaçam negar qualquer tipo de acordo posterior à saída britânica do bloco caso os termos acertados previamente não sejam cumpridos. Com o mau humor vindo do Velho Continente, o índice Stoxx Europe 600 caía 0,32%, enquanto a libra esterlina acumulava queda de 3,60% na semana contra o euro. Na direção contrária, o país assinou hoje, com o Japão, o maior acordo comercial pós-Brexit até o momento.

Já os futuros americanos sobem com moderação após a corrida das ações de tecnológicas, que se estendeu da semana passada para o início desta, mas que agora dá uma trégua, principalmente no índice Nasdaq. Ainda assim, o forte tombo dos últimos dias, que contaminou os mercados ao redor do mundo, deve fazer com que as ações mundiais fechem na segunda semana consecutiva de perdas, o que não acontecia desde março. O clima frágil de recuperação dos índices americanos fica à mercê dos dados de inflação dos Estados Unidos e da continuação das discussões em torno de um novo pacote de estímulos, cuja versão de US$300 bilhões foi ontem foi enterrada pelos democratas no Senado. Por aqui, o foco são os dados de serviços de julho e as falas do presidente Jair Bolsonaro de ontem, preocupado com o atual patamar do câmbio.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis