TC Mover
Mover

Bolsa desacelera com exterior e cancelamento de coletiva de Bolsonaro

Postado por: TC Mover em 23/01/2019 às 15:04

Os ativos brasileiros seguem se valorizando, embora com menor intensidade nesta tarde de quarta-feira diante do cancelamento da entrevista coletiva, em Davos, do presidente Jair Bolsonaro e do ministro da Economia, Paulo Guedes. A bolsa continua acima dos 96 mil pontos depois de renovar sua máxima histórica intradiária mais cedo e o dólar oscila abaixo dos R$3,80, em linha com o declínio da moeda americana em nível global.

 

O índice Bovespa também acompanhava o movimento das bolsas em Nova Iorque, cujas valorizações perderam fôlego. O índice Dow Jones ainda subia graças a resultados corporativos acima do esperado, enquanto S&P500 e Nasdaq recuavam, mediante cautela com a paralisação do governo americano e o progresso no diálogo EUA-China.

 

Por volta de 14h50, o Ibovespa subia 1,11% a 96.155 pontos. Na máxima chegou a 96.559 pontos, novo recorde intradiário. Operadores comentam que os números de giro financeiro seguem abaixo da média mensal, evidência de cautela dos investidores quanto aos próximos passos em relação à reforma da Previdência.

 

Sem palavras de Bolsonaro e Guedes, declarações mais enfáticas nessa direção podem vir da coletiva de imprensa do chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que, segundo agências de notícias, falará ainda hoje sobre metas de 100 dias de governo. A ver.

 

Enquanto isso, o dólar futuro operava em baixa de 0,56% a R$3,798 na B3 e os juros futuros caíam em bloco: aquele com vencimento em janeiro de 2020 oscilava em 6,455%. “Caso o governo tenha sucesso em aprovar uma reforma minimamente suficiente para manter as expectativas de inflação ancoradas, a expectativa de que haja mais aumento de juros ainda este ano deve perder seu apelo e abrir as portas para taxas mais baixas”, avalia a equipe da XP Investimentos em nota a clientes.

 

(Foto: Wall Street/Pixabay)

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis