TC Mover
Mover

Round up corporativo: 21 de outubro

Postado por: TC Mover em 21/10/2019 às 19:37

O índice Bovespa acelerou alta após notícia da Bloomberg, citando fontes, de que o Leilão de excedentes da cessão onerosa deve arrecadar cerca de US$50 bilhões, ou mais de R$200 bilhões, projeção bem acima dos R$126 bilhões estimados inicialmente pelo governo. Do total, a Petrobras ficaria com um valor entre US$25 bilhões a US$45 bilhões, ou R$103 bilhões a R$186 bilhões do total – inicialmente o projetado era de R$34 bilhões. Isso fez os papéis da empresa subirem 1,34% a ON e 0,62% a PN, e puxarem o índice. Hoje também houve vencimento do mercado de opções sobre ações, com volume alto de exercício de compra de Petrobras PN, o que pode ter aumentado as vendas do papel após o exercício e segurado a alta da ação.

 

A Vale ON liderou as altas em peso no Ibovespa, subindo 2,56%, com o otimismo sobre o crescimento chinês e o impacto que isso pode gerar sobre os preços do minério. A Smiles teve a maior queda percentual da sessão, de 1,73%; a concorrente Multiplus confirmou, nesta segunda, a unificação dos programas de fidelidade da Latam na América Latina

 

A Embraer fechou negócio com a Flexjet para a venda de jatos no valor de US$1,4 bilhão; a ação ON da companhia brasileira fechou em alta de 2,00%. A Yduqs ON subiu 4,36% após confirmar a compra da controladora da Ibmec, Adtalem, por R$1,9 bilhão. Segundo o Bradesco BBI, a aquisição é positiva para a companhia, e a mantém como preferida do setor, ao lado da Ser Educacional. A Braskem PNA fechou em alta de 0,49%, após notícia do Valor, citando fontes, dar conta de que o governo não tem interesse em ajudar a Odebrecht, controladora da Braskem, em recuperação judicial.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis