TC News
News

BRF será maior beneficiada em cenário de febre suína africana, diz Bradesco BBI; recomenda compra

Postado por: TC News em 09/09/2019 às 14:39

A BRF será a companhia mais beneficiada, entre os frigoríficos brasileiros, pelos efeitos da febre suína africana, devido à maior exposição ao mercado de carnes suína e de aves – que devem seguir tendo um alto consumo em detrimento da carne bovina -, segundo relatório do Bradesco BBI desta segunda-feira.

 

Embora os analistas vejam, no longo prazo, uma mudança no perfil dos chineses com aumento no consumo de carne bovina, a China ainda vive uma fase de maior consumo de porco e aves. Assim, a BRF tende a ser a maior beneficiada do cenário de gripe suína africana. O Bradesco BBI recomenda compra de BRF ON, com preço-alvo de R$50.

 

As estimativas para JBS e Marfrig são ‘conservadoras’, caso haja mudanças mais fortes do que o esperado para o setor de carne bovina. O preço-alvo para JBS é de R$28, para Marfrig, R$8, ambas com recomendação neutra.

 

Além disso, dado o amplo acesso a grãos que as companhias têm no Brasil, os analistas acreditam que possam acabar sendo alvo de aquisições por parte de empresas chinesas. O Bradesco BBI diz que ainda não está claro se as empresas controladas por grandes famílias, como JBS e Marfrig, teriam interesse em vender o controle. Já no caso da BRF, uma negociação seria mais factível.

 

Após contato com especialistas locais de Pequim e Xangai, os analistas do Bradesco BBI afirmam que as consequências da febre suína africana geram mudanças estruturais que afetam a demanda por carne e grãos na China. Nesta segunda-feira, o Ministério da Agricultura informou que mais 25 plantas frigoríficas brasileiras foram autorizadas a vender carne para a China. Entre as companhias de proteína negociados na B3, somente a JBS não foi incluída na nova lista.

 

Às 14h30, Marfrig ON tinha o maior ganho do setor, subindo 7,23%, a R$9,19. BRF ON subia 2,19%, a R$38,20. JBS ON caía 3,26%, a R$29,08.

 

(Foto: BRF – Divulgação)

TC News Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis