TC Mover
Mover

Após anos de problemas legais e prejuízos, Light se desfaz da Renova por R$1

Postado por: TC Mover em 14/10/2019 às 10:33

A Light vendeu a totalidade de da sua fatia de 17,17% na convalida Renova Energia, pelo valor de R$1,00, ao CG I Fundo de Investimento em Participações, marcando o final de uma relação comercial pautada por grandes prejuízos e problemas legais e de governança. O papel da utilidade fluminense subia 0,74%, em meio à queda quase generalizada nos papéis do setor.

 

O fechamento da transação está sujeito ao cumprimento de determinadas condições precedentes, em especial, as notificações à BNDES Participações quanto ao direito de tag along total e direto e à Cemig Geração e Transmissão quanto ao direito de preferência e de venda conjunta. Adicionalmente, a subsidiária Lightcom Comercializadora de Energia celebrou um termo de cessão por meio do qual cedeu todos os créditos detidos em face da Renova à CG.

 

A transação vá em linha com a estratégia da Light, e da sua controladora, a estatal mineira Cemig, de desinvestir em segmentos considerados como não essenciais para focar na geração, transmissão e distribuição de energia. O anúncio acontece após fracassar, na semana passada, uma tentativa da Renova de vender o parque eólico Alto Sertão III à AES Tietê. A transação também foi marcada por uma longa negociação em meio a diferenças sobre o valor do ativo e questões de governança, disse uma fonte com conhecimento do assunto à TC Mover. O fundo CG 1 é gerido e controlado pelos fundadores da Renova, Ricardo Lopes Delneri e Renato do Amaral. A unit da Renova Energia avançava 1,47% a R$17,21.

 

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis