TC Mover
Mover

Cautela com EUA, pesquisas marca pregão antes do segundo turno

Postado por: TC Mover em 26/10/2018 às 9:03

No último pregão antes do resultado do segundo turno da eleição presidencial, o investidor calibra suas apostas com um olho no exterior e outro no noticiário político-eleitoral. Ontem, pesquisa Datafolha mostrou uma diminuição na diferença entre os dois candidatos, Jair Bolsonaro e Fernando Haddad de 18 para 12 pontos percentuais. O EWZ, o ETF brasileiro negociado em Nova Iorque, despencou após a divulgação da sondagem, refletindo mais preocupação pela perda de folga na liderança do que por uma potencial virada do petista Haddad. Fique de olho em novas pesquisas eleitorais, que devem sair durante o dia, com especial atenção para a diferença entre os candidatos. O investidor espera com ânsia a sondagem Paraná, até o momento a mais precisa, para corroborar se a onda Bolsonaro está perdendo força.

 

O sentimento exacerbado de aversão ao risco no exterior também pode impactar o pregão brasileiro. Ontem, os balanços das gigantes americanas de tecnologia Amazon e Alphabet vieram abaixo do consenso, reavivando temores de que o final do ciclo de crescimento e lucros americano mais longo em décadas está prestes a acabar. A prévia do PIB dos Estados Unidos, que deve ser divulgada às 09h30, horário de Brasília, com expectativa de crescimento de 2,5% na base sequencial, pode testar essa hipótese. Já um resultado forte deve aumentar o temor de um ajuste mais longo ou agressivo nas taxas de juros americanas em 2019 e 2020.

 

O clima lá fora é de volatilidade em alta e pressão forte de venda, o que prejudica o desempenho dos ativos mais arriscados, como ações e moedas dos países emergentes. O índice MSCI Emerging Markets, que mede o desempenho das ações dessas economias, caminhava para a quinta semana seguida de queda. Fique de olho no discurso do presidente do Banco Central Europeu, Mario Draghi, que ontem apontou para uma provável alta da inflação na Europa, ajudando a pressionar as expectativas por maiores juros na região. No plano nacional, o Banco Central divulga o relatório mensal de crédito para setembro, enquanto o Tesouro Nacional publica o documento referente ao total da dívida do país. Entre os resultados corporativos, se destacam Usiminas e Hypera.

 

Quer ser um investidor bem informado? Cadastre-se no TradersClub e siga nosso canal de notícias e comentários exclusivos.

 

Mercado em um minuto, segundo Contribuidores TradersClub

 

— Câmbio: pode sentir maior aversão ao risco no exterior, mas mercado se prepara para segundo turno no domingo e divulgação das últimas pesquisas eleitorais.  

 

— Juros: mesmo se descolando ontem do câmbio, renda fixa fica de olho no exterior, a eleição e os dados do PIB americano.

 

— Bolsa: deve ter dia volátil, seguindo cautela com PIB americano, eleições e balanços do terceiro trimestre.

 

— Ações: Fique de olho em CCR, GPA, Grendene, Lojas Renner, Fleury, Suzano, que apresentaram balanços ontem à noite; Banco do Brasil, com saída de Paulo Caffarelli da presidência para a Cielo; Ambev, com lançamento de cerveja mais barata após trimestre ruim; Eletrobras, com definição de garantia da dívida com a Petrobras na distribuidora Amazonas; Vale, com a retomada da Samarco para 2020; Via Varejo, que estendeu contrato com a seguradora Zurich; Petrobras, com redução da participação da Previ e possível negociação de venda de refinaria nos EUA para a Chevron; Copel, com adiamento do início da usina Colíder; Linx, com empréstimo de R$388 milhões com o BNDES.

 

— Destaques das recomendações: O HSBC elevou a recomendação da Marfrig ON ($MRFG3) de manutenção para compra e aumentou o preço-alvo do papel de R$7 para R$8.

 

Principais notícias para começar o dia bem informado

 

Trading News

— Balanço de gigantes, PIB dos EUA reativam cautela total

— Morgan Stanley eleva recomendação de ações brasileiras para compra

— Diferença de intenção de votos entre Bolsonaro e Haddad cai para 12 pontos, mostra Datafolha

— Otimismo com eleição volta a contagiar mercado; juros sinalizam riscos

— Bolsonaro recua em proposta para acordo de Paris, nomeará ministério técnico

 

Valor Econômico

— Vantagem de Bolsonaro cai a 12 pontos
— ‘Recluso’, líder nas pesquisas administra sua dianteira
— Esperança, erros e frustrações marcam campanha de Haddad
— Armas já atraem investimentos

 

O Estado de S.Paulo

— General Heleno questiona e critica a nova pesquisa Datafolha

— Doria e França disputam legado de Alckmin em debate na Globo

— Bolsonaro sugere fechar escolas do MST: ‘fábrica de guerrilheiros’
— ‘Com Ciro (Gomes) a virada será mais fácil’, diz Haddad no Recife

 

Folha de S. Paulo

— Bolsonaro vence Haddad nos maiores colégios eleitorais do país

— Aliados atribuem queda de Bolsonaro a erros do PSL e propaganda do PT, mas celebram lição para o candidato

— Metade acredita em notícias compartilhadas no WhatsApp

— Políticos processaram mais de cem veículos de mídia nessas eleições

 

Globo/G1

— Justiça Eleitoral apreende materiais e faz fiscalização em 17 universidades de nove estados

— TSE determina remoção de vídeo em que Bolsonaro fala sobre fraude nas eleições
— Queda de Bolsonaro reflete noticiário negativo sobre campanha do PSL e a divisão da sociedade brasileira

— Bolsonaro diz que não vai tirar o Brasil do Acordo de Paris

 

Agenda do dia

 

Indicadores nacionais

— 08h00: Confiança da Construção – FGV

— 08h00: Custos da Construção – FGV; consenso 0,38%

— 09h00: IPP Indústrias extrativas e de transformação – IBGE  

— 10h00: Relatório mensal da dívida de setembro – Tesouro Nacional

— 10h30: Desembolsos de crédito bancário – BC

— 10h30: Spreads bancários –  BC

— 10h30: Inadimplência do crédito livre – BC

— 14h30: Resultado primário do governo central de setembro

 

Indicadores internacionais

— 09h30: 1ª prévia do PIB dos EUA do 3T; consenso 3,3% na base sequencial

— 09h30: Prévia do Núcleo de Preços PCE dos EUA; consenso 2,0%

— 09h30: Prévia do Índice de Preços do PIB dos EUA do 3T; consenso 2,5% na base sequencial

— 09h30: Gastos dos Consumidores dos EUA no 3T; anterior 3,8%

— 11h00: Índice Michigan de Percepção do Consumidor dos EUA de outubro; consenso 99,0

— 14h00: Contagem de sondas de petróleo dos EUA – Baker Hughes; anterior 873

 

Eventos

— ND: Previsão de divulgação de pesquisa Empiricus/Paraná Pesquisas para a Presidência
— ND: Previsão de divulgação de pesquisa XP/Ipespe para a Presidência
— ND: Previsão de divulgação de pesquisa Real Time Big Data para os governos de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais

— N.D.: Bandeira tarifária da Aneel para novembro

— 11h00: Presidente do Banco Central Europeu, Mario Draghi, fala à imprensa

— 15h00: Coletiva do Tesouro Nacional sobre déficit primário com Secretário Mansueto Almeida

— 15h00: Ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, tem reunião com Paulo Caffarelli, presidente do Banco do Brasil
— 16h00: Guardia tem reunião com Daniel Sonder, diretor financeiro da B3

 

Resultados corporativos

— Antes da abertura: Usiminas

— Depois do fechamento: Hypera

 

Teleconferências

— 10h00: Suzano

— 10h30: Grendene, GPA

— 11h00: Fleury, Paranapanema, CCR

— 12h00: Usiminas

— 13h00: Lojas Renner

 

DISCLAIMER: Este newsletter não tem o objetivo de promover a venda de títulos e valores mobiliários específicos, e sim, de informar correta e oportunamente a quem o recebe.

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis