TC Mover
Mover

IPCA vem abaixo do consenso após alimentos, transportes desacelerarem

Postado por: TC Mover em 10/05/2019 às 9:28

A inflação mensal recuou em abril, ficando levemente abaixo do consenso, após seis dos nove segmentos pesquisados pelo IBGE mostrarem desacelerações nas altas de preços – sinalizando que o recente pico visto no custo de vida deve ser transitório.

 

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, como é formalmente chamado o IPCA, subiu 0,57%, 0,18 ponto percentual abaixo dos 0,75% observados em março. O consenso da TC News era de 0,61%. Já o IPCA acumulado nos últimos doze meses disparou para 4,94% – a maior taxa em três anos, – embora tenha ficado abaixo dos 5% do consenso, contra os 4,58% nos 12 meses imediatamente anteriores.

 

A curva dos juros futuros derreteu na abertura do pregão desta sexta-feira, refletindo a preocupação do investidor em relação à desaceleração da economia brasileira – que está se refletindo cada vez mais em preços ao consumidor mais deprimidos. Esse temor está aumentando as apostas do investidor quanto a uma redução da taxa básica de juros Selic por volta do terceiro trimestre, disseram economistas e contribuidores TC. O juro do contrato do DI para janeiro próximo recuou meio ponto-base para 6,39%, enquanto o DI para janeiro de 2025 perdeu 1 ponto para 8,56% às 09h15 desta sexta-feira.

 

O resultado do IPCA de abril sofreu forte influência dos grupos alimentação e bebidas, que desacelerou a alta para 0,63% no mês, assim como o segmento transportes, que também perdeu força e avançou 0,94%. Já saúde e cuidados pessoais subiu 1,51%. Juntos, os três grupos responderam por 90% da alta do índice do mês.

 

Os núcleos de inflação, que medem a variação dos preços ao consumidor expurgando os itens mais voláteis na cesta do IBGE, mostraram, porém, uma aceleração em algumas medidas. A média dos núcleos passou de 0,30% em março para 0,40% em abril. No entanto, o índice de difusão, que mede a percentagem de altas na cesta, passou de 65% em março para 59% em abril.

 

(Foto: supermercado no ES/Tânia Rego-Agência Brasil)

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis