TC Mover
Mover

FMI vê perda de fôlego na expansão global e corta projeções para menor nível desde a crise

Postado por: TC Mover em 09/04/2019 às 12:59

A economia global deve crescer no menor ritmo desde 2009, quando houve contração, em mais um sinal de que a crescente tensão geopolítica e comercial nas maiores economias do planeta estão impactando todas as regiões de forma categórica, disse o Fundo Monetário Internacional nesta terça-feira.

 

O FMI reduziu pela terceira vez desde outubro a estimativa de crescimento do PIB global, para 3,3%, comparada com expansões de 3,8% em 2017 e 3,6% em 2018. A rápida desaceleração da atividade no mundo deve se estender ao longo da primeira metade deste ano, disse o relatório. Em janeiro, o fundo tinha divulgado uma estimativa de 3,5. Para 2020, a previsão foi mantida em 3,6%.

 

“O Panorama Econômico Mundial projeta uma desaceleração do crescimento em 2019 para 70% da economia global”, diz a economista-chefe do FMI, Gita Gopinath, no relatório. A nova projeção indica revisões negativas para as grandes economias, incluindo a Zona do Euro, América Latina, os Estados Unidos, o Reino Unido, o Canadá e a Austrália, todas regiões que atravessam um “momento delicado”. As bolsas nos EUA aceleraram quedas, com índice Dow Jones recuando 0,7% e o S&P500 caindo 0,54% às 12h00, horário de Brasília. O dólar americano recuava 0,1% antes seus pares, de acordo com o índice DXY.

 

O problema mais delicado parece ser o fluxo de comercio, que deve crescer bem abaixo das estimativas anteriores do FMI e dos 3,8% do ano passado, mostra o relatório. A escalada das tensões comerciais entre os EUA e China e, mais recentemente, Europa, assim como o aperto nas condições de crédito na China, as crises de países emergentes como a Argentina e a Turquia e a crise na indústria alemã estão freando o crescimento – na esteira das recentes altas de juros nas economias desenvolvidas como os EUA.

 

O fundo reduziu a projeção de crescimento do Brasil de 2,5% para 2,1% neste ano, porém elevou a estimativa de 2020 de 2,2% para 2,5%

Mover Pro

Informação, análises e ideias de investimentos 24/7

Experimente 7 dias grátis